O Mundo Das Crianças

pesquisar

 
Links Patrocinados
Sexta-feira, 30 / 05 / 14

Avaliação do 6º Ano de Português com Gabarito

 

 

Avaliação de Português - 6º ANO
 
Apagão em escala planetária festejará o brilho das estrelas
 
Pouca gente ouviu falar de poluição luminosa, mas tal coisa existe e é um pesadelo na vida de astrônomo, pois rouba a
beleza do céu estrelado. Não foram os astros que perderam o frescor, a humanidade é que iluminou intensamente a
Terra e ofuscou a noite. A poluição luminosa é causada pelo excesso de iluminação urbana. (...) Para chamar a atenção
para o problema, astrônomos de diversos países começaram a organizar algo como o dia mundial do céu escuro.
A idéia é que as luzes das cidades fossem apagadas por alguns instantes. Isso em 18 de abril de 2005, quando
seriam lembrados os 50 anos da morte de Albert Einstein.
(Revista O Globo, Rio de Janeiro, 3/10/2004)
 
1 - Da leitura do texto, pode-se entender que a poluição luminosa é provocada
a) pelo brilho intenso das estrelas.
b) pela perda do frescor dos astros.
c) pela pouca iluminação de algumas cidades.
d) pelo excesso de iluminação urbana.
e) pelo brilho lunar.
 
2 - De acordo com o texto, o excesso de iluminação é uma preocupação para os astrônomos porque
a) dificulta a iluminação urbana.
b) ilumina excessivamente a cidade.
c) impede a plena observação das estrelas.
d) torna a noite ainda mais escura.
e) as pessoas se incomodam com tanta luz.
 
3 - A questão central tratada no texto é a
a) economia de energia.
b) beleza das estrelas.
c) pesquisa dos astros.
d) poluição luminosa.
e) A falta de luz.
 
4 - A finalidade desse texto é
a) informar a preocupação dos astrônomos.
b) denunciar os perigos de um apagão.
c) alertar sobre o consumo de energia.
d) valorizar o excesso de iluminação urbana.
e) mostrar a preocupação das pessoas referente a luz.
 
5 - Assinale a frase em que os advérbios expressam idéias de tempo e negação:
a) Falei calmamente com os embaixadores.
b) Não me pergunte as razoes da minha atitude.
c) Eles sempre chegam atrasados.
d) Hoje acreditei em você, mas não acreditarei mais!
e) Agora seremos felizes para sempre.
 
O CADERNO
 
Sou eu que vou seguir você
Do primeiro rabisco até o be-a-bá.
Em todos os desenhos coloridos vou estar:
A casa, a montanha, duas nuvens no céu
E um sol a sorrir no papel.
(...)
O que está escrito em mim
Comigo ficará guardado, se lhe dá prazer.
A vida segue sempre em frente, o que se há de fazer.
Só peço a você um favor, se puder:
Não me esqueça num canto qualquer.
 
6 - A expressão “A vida segue sempre em frente” indica que na vida:
a) tudo acaba.
b) tudo passa.
c) tudo estaciona
d) tudo fica como está.
e) passamos por fases.
 
7 - No poema, o verso “Do primeiro rabisco até o be-a-bá” sugere a aprendizagem
a) do desenho.
b) da fala.
c) da escrita.
d) da pintura.
e) da leitura.
 
8 - A partir da leitura do poema, pode-se concluir que o caderno
a) gosta muito de todas as crianças.
b) fala como se fosse uma pessoa.
c) sonha com desenhos coloridos.
d) gosta muito de rabiscar.
e) fica triste por ser deixado de lado.
 
GABARITO:
1 – D / 2 – C / 3 – D / 4 – A / 5 – D / 6 – E / 7 – C / 8 – B
 
 
Fonte: Jardim da Tia Suh
publicado por Lara Marques às 10:00
Quarta-feira, 28 / 05 / 14

Melhor forma de ter uma alimentação saudável.

 

 

"Espero que as pessoas não sigam dieta rica em gordura saturada", diz cientista
Em visita ao Brasil para participar de Congresso de Cardiologia, pesquisadora chefe da Unilever defende consumo de margarina
O duelo histórico entre manteiga e margarina será um dos temas do Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP), neste domingo (23). A renomada pesquisadora da área da saúde cardiovascular, Elke Trautwein, vai falar sobre como a ingestão diária de dois gramas de fitoesterois, encontrados na margarina, podem reduzir o colesterol ruim.
Cientistas divergem sobre qual a melhor forma de ter uma alimentação saudável
“Existem vários novos estudos de meta-análises que têm mostrando claramente que a ingestão diária de 2 g de fitoesterois reduz em média 10% do LDL. O efeito é independente da dieta de pano de fundo e é aditivo a uma dieta saudável e ao uso de medicamento como as estatinas”, disse ao iG Elke, que também é pesquisadora Chefe da área de saúde cardiovascular da Unilever em Vlaardigen, na Holanda, a maior produto de margarina.
Ela afirma que também há provas de que fitoesterois atuam na redução modesta dos triglicérides. “Uma boa notícia principalmente para pessoas com diabetes tipo 2, ou o chamado síndrome metabólica”, disse.
Recentemente duas publicações bateram feio nas convicções sobre os benefícios da margarina. O editorial do periódico científico Open Heart, do considerado British Medical Journal, afirmou que a dieta pregada pela Associação Americana de Cardiologia, pobre em gordura saturada (gordura presente principalmente em produtos de origem animal), não diminui os riscos de doenças cardíacas, nem ajuda a obter uma vida mais longeva.
Na semana passada, um estudo publicado na Annal of Internal Medicinecolocou mais uma vez em cheque um dos pilares usados até hoje para a prevenção de doenças cardiovasculares. Rajiv Chowdhury, da Universidade de Cambridge, na Inglaterra afirmou que gordura insaturada, a encontrada em vegetais, pode não ser tão boa quanto se diz. O estudo ainda questiona se a gordura saturada, encontrada em animais, leva mesmo a doenças cardíacas.
Chowdhury disse em comunicado que os resultados do estudo potencialmente estimulam novas linhas de investigação científica. “Os resultados incentivam a cuidadosa reavaliação dos nossas atuais orientações nutricionais”, disse.
Elke condena as duas pesquisas. “Seria uma pena se estas conclusões que não estão em consonância com as provas globais se tornem uma espécie de "luz verde" para comer mais alimentos ricos em gordura saturada, em vez de adotar hábitos mais saudáveis da dieta”, disse.
Para ela os estudos são infelizes e não apresentam dados novos. “Além disso, existem agora também sérias dúvidas sobre esta meta-análise de Chowdhury. Ela contém vários erros e omissões, e as conclusões são seriamente enganosas”.
Levando em conta que as doenças cardiovasculares correspondem a principal causa de morte no mundo, seria muito bom que cientistas entrassem em acordo sobre a melhor dieta para o coração.
publicado por Lara Marques às 10:00
Segunda-feira, 26 / 05 / 14

Atividades e Avaliações de História do 9º ano

Aqui ficam as respetivas atividades de História para alunos do 9º ano,espero que gostem.

 

 

tags:
publicado por Lara Marques às 10:00
Sexta-feira, 23 / 05 / 14

É justo proibir o uso do Telemóvel na sala de aula?

Em muitos lugares do Brasil e do mundo já vigora a proibição do uso de celulares em sala de aula. Em outros, a ideia está em discussão. Conforme noticiou o UOL Educação, em janeiro de 2010, na rede municipal de ensino de Juiz de Fora (MG) não somente os celulares foram proibidos, como também os bonés. A situação com certeza é polêmica. Trata-se de mais um caso em que a esfera pública (o Estado) resolve invadir assuntos da esfera privada, como na restrição ao fumo em locais fechados? Os legisladores estariam se intrometendo em questões da vida individual do estudante que não lhes dizem respeito? Ou são os jovens que abusam e não conseguem compreender quanto o uso do celular, durante a aula, lhes é prejudicial? O que você pensa da proibição do celular em sala de aula? E do boné?
ELABORE UMA DISSERTAÇÃO CONSIDERANDO AS IDEIAS A SEGUIR:
Em defesa da lei
No meu entender, a nova lei vem em boa hora e os seus objetivos são mais do que justos. A proibição quer evitar que as aulas sejam frequentemente interrompidas pelo toque dos aparelhinhos, que os alunos se distraiam conversando com os amigos ou mandando torpedos e que atrapalhem os colegas. Além disso, vai impedir também os abusos, como no caso de estudantes que usam o telefone para colar nas provas. Eles usam mensagens de texto para passar cola com os celulares, sabia? Tem até quem tire foto da prova ou de uma questão e passe para um amigo de outro turno.
Dar um basta
Boné e celular dentro da sala de aula são um claro desrespeito dos alunos para com os professores e seus colegas. Os pais perderam o controle sobre seus filhos. Agora alguém terá que impor regras e disciplinas. Estamos vivendo tempos de egoísmo, onde cada um só pensa em si mesmo. Isso tem que mudar, pois estamos assistindo menores engravidando, menores assaltando e menores cometendo os mais variados tipos de crime, desde xingamento aos próprios pais até o consumo de todo tipo de drogas. Está na hora de dar um basta.
[E-mail de internauta para o UOL Educação, por ocasião da notícia sobre a proibição em Juiz de Fora (MG).]
É proibido proibir
O Estado proibir os celulares dos alunos em sala de aula me parece um exagero, na medida em que viola o direito de a pessoa ir e vir com seus bens, atenta à dignidade da pessoa humana e também interfere no direito à segurança. Em muitos casos, o equipamento pode ser utilizado para afastar riscos ou danos às pessoas ou terceiros. Imagine, por exemplo, um professor descontrolado, que impõe um castigo cruel ao aluno. É raro? Sim, mas ninguém vai negar que pode acontecer. Além disso, vamos e venhamos, o Estado precisa se intrometer numa questão como essa? A escola, por si só, não tem autoridade para estabelecer a proibição?
Um caso extremo
Vamos a um caso fictício: em uma sala de aula, em escola particular no Estado de São Paulo, duas alunas começam uma briga. A roda se forma, as meninas caem no chão e em alguns minutos o professor que estava fora da sala intervém e as alunas, machucadas, são levadas à enfermaria, uma claramente mais ferida, com cortes no rosto e o nariz sangrando. Esta cena, apesar de lamentável, não seria tão incomum assim, não fosse o fato de um aluno ter filmado todo o ocorrido com seu ultracelular, em altíssima resolução. Publicar na internet? Ele vai além e exige sexo com a adolescente para que o vídeo não seja divulgado.
[Dr. José Antônio Milagre, advogado, no Webinsider]
 
FONTE:
http://educacao.uol.com.br
publicado por Lara Marques às 10:02
Quarta-feira, 21 / 05 / 14

Ficha de Auto-Avaliação








Trabalhei muito com fichas que auxiliam o aluno a saber como se avaliar. Considero importante porque ao refletir sobre cada item, o aluno faz a correção do seu texto. Sugestão:


1-Coloquei título?

2-Meu texto está adequado ao assunto?

3-Descrevi os personagens?

4-Coloquei o desfecho?

5-Fiz parágrafos?

6-Utilizei ponto final?

7-Utilizei ponto de exclamaçao, quando necessário?

8-Utilizei ponto de interrogaçao, quando necessário?

9-Utilizei dois-pontos e travessao nos diálogos?

10-Usei letras maiúsculas nos nomes próprios, depois de ponto final e no início dos parágrafos ?

11-Separei corretamente as palavras nos finais das linhas?

12-Minha letra está legível?

13-O trabalho está limpo?

14-Fiz uma releitura para verificar se há erros ortográficos?

Bom trabalho!


FONTE:

publicado por Lara Marques às 10:00
Pequeno Blog de Apoio Escolar,E também De Alguma Diversão
Links Patrocinados

mais sobre mim

Links Patrocinados
Links Patrocinados

subscrever feeds

Maio 2014

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
15
17
18
20
22
24
25
27
29
31

Facebook

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...